Drica Moraes relembra transplante de medula e agradece doador: 'Toda arrepiada'

Geral

Curada da leucemia, atriz conta que há 10 anos precisou ficar isolada das pessoas e passa mensagem positiva aos seus seguidores: 'Paciência e fé'

Em um depoimento emocionante, Drica Moraes fez uma homenagem a Adilson, paciente que doou a medula óssea para a atriz em 2010, que estava com leucemia, e salvou sua vida:"Há exatos 10 anos este homem me salvou a vida. Em 23 de junho de 2010 eu estava na corda bamba e graças à sua doação de medula estou aqui hoje. Obrigada Adilson! Nos conhecemos somente 5 anos após o procedimento. Não sabíamos quem éramos antes deste encontro. Estou toda arrepiada".A atriz também agradeceu aos médicos e contou que já viveu o isolamento social na época:"Obrigada também à meus médicos Nelson Hamer e Wolmar Pulcceri, sem vocês... nada...Há 10 anos vivi durante um ano em isolamento total sem ver o dia, sem poder tocar nem ser tocada, de máscara, catéter, tudo o que nos afasta da vida, do toque , da troca com o outro. Hoje vejo a humanidade num isolamento muito parecido. Coisa louca. Toda arrepiada. Que bom que passou. Mas custou muito caro."Confiante, ela deixou sua mensagem otimista sobre o período difícil que estamos passando:"Agora também vai passar. Paciência e fé. Existe afeto e inteligência para além dessa gentalha do mal que insiste em destruir tudo em volta. Esses vírus e anomalias irão passar. E nós sempre estaremos na luta."Drica Moraes e filho Matheus — Foto: Arquivo pessoal/Reprodução redes sociais



Compartilhe