Rainha concorda com 'período de transição' de Harry e Meghan

Geral

Monarca disse que dá 'apoio incondicional' ao casal, que vai se dividir entre o Canadá e o Reino Unido, mas preferiria que eles continuassem na família

A rainha concordou em dar um "tempo de transição" para o príncipe Harry e Meghan Markle, que vão passar um tempo vivendo entre o Canadá e o Reino Unido. A duquesa, inclusive, já está no país.Elizabeth II disse em comunicado que dá "apoio incondicional" ao desejo dos dois de abdicar funções reais, mas "preferiria que eles continuassem trabalhando em tempo integral para a Família Real".Leia abaixo o comunicado da rainha:"Hoje minha família teve uma conversa construtiva sobre o futuro de meu neto e sua família.Minha família e eu damos apoio incondicional ao desejo de Harry e Meghan de criarem uma nova vida como uma jovem família. Ainda que nós preferiríamos que eles continuassem trabalhando em tempo integral como membros da Família Real, nós respeitamos e entendemos o desejo deles de viver uma vida mais independente como família e ainda serem uma parte valiosa da minha família. Harry e Meghan deixaram claro que eles não querem depender dos fundos públicos em suas novas vidas.Dessa forma, foi decidido que haverá um período de transição em que o duque e a duquesa de Sussex vão permanecer no Canadá e no Reino Unidos.Esses são assuntos muito complexos para minha família resolver. e temos muito trabalho pela frente, mas pedi que decisões finais sejam tomadas nos próximos dias."

Compartilhe